sexta-feira, 9 de janeiro de 2009

Arroz e feijão


Arroz e feijão


Quando perguntei pra um amigo americano o que seu povo comia todo dia, ele não entendeu a pergunta. Quando eu disse que nós brasileiros comemos arroz com feijão todo dia ele achou, no mínimo, estranho. Comer a mesma coisa todos os dias é um fato inconcebível para a maioria das culturas, mas absolutamente normal e corriqueiro para nós.
Antigamente, no Japão comia-se arroz todo dia. Tanto que a minha avó sempre se referia ao almoço ou jantar como “gohan”, arroz em japonês. Ela dizia: “Rabinho! Comê gohaaaaan!”
Atualmente tanto os japoneses quanto os chineses não comem arroz todos os dias como antigamente. Macarrão e muito fast food agora fazem parte do menu dos orientais.
Aqui comemos arroz, feijão e uma “mistura”. O principal da nossa refeição é o arroz e o feijão. Já na maioria dos outros países, o que nós chamamos de “mistura” é o ingrediente principal do prato de comida (normalmente uma carne), e os acompanhamentos são os responsáveis pela substância do prato. Assim, fora do Brasil é usual comer um bife, alguns legumes e purê de batatas ou um cozido de carne, cebolas e cenouras acompanhado somente de pão. Isso sim é, para os brasileiros, no mínimo, estranho!
O arroz foi trazido pra cá pelos portugueses, que foi apresentado aos mesmos pelos orientais. O feijão sempre foi cultivado pelos nossos índios.
O costume de comer arroz com feijão não era dos nativos nem dos visitantes, eram dos que não queriam estar aqui: os escravos. Foram eles que juntaram as duas culturas e as transformaram numa só.
Curiosamente, algumas culturas também comem arroz com feijão. Existe um prato tradicional em New Orleans praticamente idêntico ao nosso. A culinária dessa região dos Estados Unidos é influenciada por iguarias regionais do continente africano. Só não é porque o feijão utilizado é o vermelho e os temperos são um pouco diferentes.
Já no Japão a combinação é doce. Existe um bolinho que é feito com purê doce de feijão azuki e coberto com arroz cozido e amassado. É como um croquete frio com a massa feita de arroz e recheio de feijão. Esse doce pode ser encontrado facilmente nas lojas de produtos especializados aqui de Mogi das Cruzes. Vale a pena experimentar pra variar.
É incrível pensar que o “dueto brasileiro” é consumido pela grande maioria da nossa população durante a maioria dos dias da semana. Tem gente que não gosta de verdura, uns loucos que não gostam de carne, gente que não gosta de pão, mas nunca ouvi falar de alguém que não gostasse de arroz e feijão. Isso acontece porque a combinação é perfeita. Só pode ser!
O arroz deve ser soltinho e ter uma certa resistência à mordida. Já o feijão deve ser cremoso, seu caldo grosso e bem temperado. Preparados desta maneira, comer os dois, com o feijão ao lado do arroz, por cima ou por baixo, é uma beleza.
Receita de hoje
Sopa de feijões com arroz selvagem crocante
Acho essa minha criação interessante por conseguir servir feijão e arroz numa forma bonita, atraente e gostosa.
Ingredientes
-1 xícara de feijão branco
-1 xícara de feijão carioquinha ou preto
-2 colheres de manteiga
-1/2 cebola picada
-1 dente de alho
-folhas de louro
-noz moscada
-um pedaço de pele de bacon
-sal
-pimenta do reino branca e preta
-1/2 xícara de arroz selvagem
-2 colheres de azeite
Cozinhe o feijão branco em bastante água e folhas de louro. Em separado, cozinhe o feijão carioquinha com o alho e a pele do bacon.
Retire as folhas de louro do feijão branco e faça um purê liso. Tempere com sal, noz moscada e pimenta do reino branca.
Faça um purê também com o feijão carioquinha. Bata tudo sem a pele do bacon e tempere com sal e pimenta do reino preta.
Esquente o azeite na frigideira e adicione o arroz selvagem cru e bem seco. Não adicione muito arroz, só o suficiente para cobrir todo o fundo da panela. Vá mexendo enquanto ele estoura feito pipoca. Cuidado para não queimar. Retire com uma escumadeira e escorra em papel toalha.
Numa cumbuca ou prato para sopas, adicione os dois purês simultaneamente para que cada purê ocupe um lado da cumbuca sem se misturar. Coloque um montinho de arroz selvagem crocante por cima, salpique o arroz com sal e sirva.

3 comentários:

Tai disse...

adorei o blog, descobri ele qnd estava procurando receitas de sopas frias, continue postanto mais receitas, elas parecem ótimas.

Romain disse...

Olá.
Gostei de encontrar seu blog. Parece ser trivial, mas com um toque de requinte gastrômico.

Gosto muita da arte culinária. Contudo, não diponho de tempo nem dinheiro para exercita-la. Mas assim que adquirir minha estabilidade profissinal quero investir, mas apenas como hobby.

Se for possível, queria que vc compartilhasse alguns de seus conhecimentos com o macarrão (dicas). Minha especialidade (pelo menos na opinião da família e namorada) eo fettuccine à bolonhesa hehehe.

Faleu.

Luiz 'Lula' disse...

Mas pq esse blog parou??

Foi pensando nele que eu voltei com o meu e agora falando de cozinha.

Posts mto bem feitos que ja me deram ideias.

Falou!